Acidente com torcedores do Corinthians deixa mortos e feridos

Três pessoas morreram e outras dez ficaram feridas em um acidente envolvendo um ônibus e uma van com torcedores da torcida organizada do Corinthians, na BR-262, na madrugada desta segunda-feira (8), em Ibatiba, no Sul do Espírito Santo.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que o ônibus e a van bateram de frente no quilômetro 169 por volta de 1h40. A van seguia no sentido Vitória e voltava do jogo em Minas Gerais entre Corinthians e Cruzeiro realizado no domingo (7).

(Foto: Reprodução/Corpo de Bombeiros do Espírito Santo)

Todas as vítimas eram da van e ficaram presas no veículo. O Corpo de Bombeiros foi acionado para remover as vítimas. O motorista do ônibus teve ferimentos leves.

Segundo a PRF, assim que as vítimas eram desencarceradas, as equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) realizavam as imobilizações e o transporte para hospitais da região.

Duas pessoas morreram no local do acidente. Uma das vítimas é um homem de 37 anos. Uma terceira vítima chegou a ser socorrida, mas morreu no hospital.

Os passageiros foram socorridos e levados para vários hospitais. Entre as unidades de saúde estão a Santa Casa de Cachoeiro de Itapemirim, para o Hospital de Urgência e Emergência em Vitória, Hospital Padre Máximo, em Venda Nova do Imigrante e para o Posto de Atendimento de Ibatiba.

Ainda de acordo com a PRF, alguns passageiros estavam em estado grave. A pista ficou totalmente interditada por cerca de 6 horas.

A Polícia Civil disse que a investigação da Delegacia de Polícia (DP) de Irupi vai apurar as circunstâncias do acidente.

No local do acidente, os corpos de duas vítimas, dois homens, foram encaminhados ao Serviço Médico Legal (SML) de Venda Nova do Imigrante.

Mais tarde, por volta das 4h16, o serviço de transporte de cadáver foi acionado para recolher um corpo de sexo masculino em um hospital municipal de Ibatiba.

O corpo também foi encaminhado para ao SML de Venda Nova do Imigrante.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *